VdA apoia o Fundo de Emergência da Fundação Gulbenkian

O Fundo de Emergência criado pela Fundação Calouste Gulbenkian, no contexto da pandemia Covid-19, conta com o acompanhamento jurídico pro bono da VdA.

Com vista a reforçar a resiliência da sociedade portuguesa, o apoio atribuído pelo fundo, num montante inicial de 5 milhões e que tem vindo a ser aumentado, é direcionado para os domínios de intervenção da Fundação Calouste Gulbenkian – Saúde, Ciência, Sociedade Civil, Educação e Cultura.

Para a VdA, “o atual contexto impõe que a capacidade coletiva potencie a adoção de medidas indispensáveis aos atuais tempos de incerteza, fundadas em modelos de cooperação e compromisso”.

Os tempos atuais suscitam desafios exigentes para a sociedade no geral, pelo que a resposta social das organizações, como a que tem sido liderada pela Fundação Calouste Gulbenkian e à qual a VdA se associa, assente na responsabilidade e na solidariedade, é critica neste momento de adversidade sem precedentes”, refere João Vieira de Almeida, managing partner da VdA, citado em comunicado.

Subscreva a newsletter e receba os principais destaques sobre Direito e Advocacia.