Fintech em pós-graduação na FDUL

O Centro de Investigação de Direito Privado (CIDP) da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, em parceria com a Comissão do Mercado de Valores Imobiliário  (CMVM), organiza o curso de pós-graduação em Fintech, com início a 3 de Dezembro e final previsto para 8 de Julho.

A Comissão Europeia divulgou a sua estratégia para os serviços financeiros na Europa, que tem por objetivo de facilitar a inovação digital e regular os riscos associados. No plano regulatório estão em preparação medidas sem precedentes: o regime europeu do crowdfunding, a proposta de regulação dos cripto-ativos; a regulação da resiliência operacional e da cibersegurança no setor financeiro, entre outras medidas.

A nível das tecnologias e dos mercados multiplicam-se as soluções disruptivas, seja pela utilização de inteligência artificial, da blockchain ou da computação em nuvem. O tratamento de dados em larga escala e a hiperpersonalização dos produtos e serviços são um elemento central.

Finalmente, a COVID-19, que provocou a FinTechs emergentes diversos problemas, mostrou também que a digitalização dos serviços financeiros é hoje um dado inultrapassável pelas vantagens que representa para o consumidor/investidor.

Todos estes temas serão abordados ao longo das 57 sessões do curso, que contam com a participação de especialistas nacionais e internacionais.

Esta pós-graduação tem coordenação científica do Professor António Menezes e coordenação executivas dos Professores Ana Perestrelo de Oliveira, A. Barreto Menezes Cordeiro e Diogo Pereira Duarte.

Mais informações aqui.

Subscreva a newsletter e receba os principais destaques sobre Direito e Advocacia.