WTR 1000 destaca portugueses em propriedade intelectual

Foram anunciados recentemente os resultados da edição de 2019 do ranking de Propriedade Intelectual da World Trademark Review 1000 (WTR 1000) para Portugal.

O ranking mundial que identifica as firmas e os especialistas que mais se destacam no setor da propriedade intelectual distingiu cinco sociedades portuguesas em gold band: Baptista Monteverde & Associados, CMS Rui Pena & Arnaut, Garrigues, J. Pereira da Cruz SA e Simões, Garcia, Corte-Real & Associados.

Na categoria silver band, a reputada publicação destaca a Abreu Advogados, a Inventa International, a Morais Leitão, a Raul César Ferreira IP Consulting & Services e a VdA.

Já nível individual, são referenciados em gold band José Luís Arnaut (CMS Rui Pena & Arnaut), César Bessa Monteiro Sr (Abreu Advogados; João Miranda De Sousa (Garrigues), João Luís Garcia (Simões, Garcia, Corte-Real & Associados), Paulo Monteverde (Baptista Monteverde & Associados), Manuel Oehen Mendes (Yolanda Busse Oehen Mendes & Associados), João Pereira Da Cruz (J. Pereira da Cruz SA) e Vasco Stilwell d’Andrade (Morais Leitão).

Em silver band, a publicação destaca António Andrade (VdA), Isabel Bairrão (Garrigues), António Corte-Real (Simões, Garcia, Corte-Real & Associados), Nuno Cruz (J. Pereira da Cruz SA), Maria Cruz Garcia (J. Pereira da Cruz SA), António de Magalhães Cardoso (VdA), Francisca Ferreira Pinto (Garrigues), Vitor Palmela Fidalgo (Inventa International), Ricardo Henriques (Abreu Advogados), Miguel Quintans (CMS Rui Pena & Arnaut) e José Raúl Simões (Simões, Garcia, Corte-Real & Associados).

A nível individual, foi ainda distinguido Jorge Cruz (J. Pereira da Cruz SA) na categoria “luminaries”.

Consulte o ranking aqui.

Subscreva a newsletter e receba os principais destaques sobre Direito e Advocacia.