Uma estrutura tailor made para dar resposta “à complexidade da vaga de reestruturações, na banca e nas empresas” é a premissa da nova sociedade de advogados Valério, Figueiredo & Associados (VFA).

Criada pelos advogados Bárbara Figueiredo e Paulo Valério, a VFA está sediada em Lisboa e tem escritório de representação em Coimbra. Os sócios fundadores desta nova firma deixaram a Raposo Subtil e Associados (RSA), no final de 2016, onde Paulo Valério coordenava o Departamento de Insolvência e Reestruturações e o escritório de Coimbra, e Bárbara Figueiredo era advogada sénior.

Embora tenha uma vocação full service, a VFA irá apostar na insolvência, operações de reestruturação financeira e M&A, pois para Paulo Valério, a insolvência e as operações de reestruturação deixaram de ser atividades residuais nos departamentos de recuperação de crédito e corporate, para se autonomizarem e representarem uma fatia cada vez mais significativa dos serviços prestados”.

O momento presente – marcado pela reconfiguração do setor bancário e pela pressão das autoridades europeias sobre os chamados non performing loans (NPL’s) – anuncia uma nova vaga de operações, na banca e nas empresas, cuja dimensão e complexidade exige estruturas especializadas e flexíveis“, acrescentou o sócio da VFA.

Outra aposta da VFA é a integração de ferramentas digitais e tecnologias de automatização na gestão e produção documental, com vista à maior fiabilidade e eficiência nos serviços prestados, “libertando os advogados para a efetiva prestação de serviços jurídicos e acompanhamento dos clientes, em proximidade”.

Não faz qualquer sentido imputar aos clientes um custo supérfluo de trabalho administrativo, nem ocupar com esse tipo de tarefas advogados que devem estar focados na conceção e execução de operações jurídico-legais”, defende Paulo Valério.

Foi com esse propósito que a VFA implementou um laboratório de I&D, vocacionado para a criação e desenvolvimento de novas ferramentas tecnológicas ao serviço da advocacia, sem esquecer o cumprimento das regras deontológicas da profissão.

Paulo Valério é licenciado pela Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra e foi adjunto do Governador Civil de Coimbra no XVII Governo Constitucional. Coordenou a área de Reestruturações e Insolvência da RSA, onde foi igualmente responsável pelo escritório de Coimbra e membro da Comissão Executiva da Sociedade.

O advogado é coautor das obras “Código da Insolvência e da Recuperação de Empresas Anotado” e “Guia Prático da Recuperação e Revitalização de Empresas”. Em 2016, foi eleito vogal (suplente) do Conselho Superior da Magistratura, pela Assembleia da República.

Bárbara Figueiredo é licenciada pela Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra e é pós-graduada em Direito do Ordenamento, do Urbanismo e do Ambiente pela mesma instituição.

Em 2012, abriu escritório próprio, em Coimbra, tendo ingressado na RSA em 2013, onde trabalhou, na área de Reestruturações e Insolvência, até Novembro de 2016.

Subscreva a newsletter e receba os principais destaques sobre Direito e Advocacia.