A Miranda & Associados recebeu o prémio “International Law Firm or the Year” na edição de 2019 dos “African Legal Awards”. Esta iniciativa, promovida pela prestigiada revista Legal Week, realizou-se na passada sexta-feira (6 de setembro), no The Wanderers Club em Joanesburgo, África do Sul.

A firma fundada por Agostinho Pereira de Miranda foi a grande vencedora da noite na categoria “International Law Firm or the Year”, numa shortlist que incluía escritórios internacionais de renome como a Baker McKenzie, Dentons, DLA Piper, PLMJ e White & Case LLP. O processo de avaliação aos escritórios nomeados nesta categoria foi realizado por um grupo de júris, composto pelos principais General Counsels’ da região, que tiveram em consideração diversos fatores, entre eles, a evolução das empresas nos dos últimos12-18 meses, o conhecimento jurídico, a inovação, a visão estratégica e os novos negócios concretizados, e também o atendimento ao cliente.

Este prémio é o reflexo de um período de consolidação e crescimento para a Miranda. Nos últimos 18 meses expandimos a nossa prática na África francófona, crescemos significativamente com várias e importantes contratações e promovemos cinco dos nossos associados a sócios”, referiu Diogo Xavier da Cunha, Presidente do Conselho de Administração da Miranda, citado em comunicado.

Agradecemos aos nossos clientes, alguns dos quais nos honram com a sua preferência e a sua confiança há mais de três décadas, aos nossos advogados e colaboradores pelo seu empenho e dedicação constantes, fatores aos quais se devem a nossa robustez e a nossa capacidade de superar os desafios que enfrentamos diariamente, e, por último, mas não menos importante, a todos os colegas que integram os escritórios da Miranda Alliance, cujo compromisso com o nosso projeto internacional é outro dos pilares da nossa reputação no mercado de serviços jurídicos cada dia mais competitivo e global”, acrescentou Diogo Xavier da Cunha.

Através da Miranda Alliance, a sociedade está presente em 16 jurisdições: Angola, Brasil, Cabo Verde, Camarões, Costa do Marfim, Gabão, Guiné-Bissau, Guiné Equatorial, Macau, Moçambique, Portugal, República Democrática do Congo, República do Congo, São Tomé e Príncipe, Senegal e Timor-Leste. Dispõe ainda de 3 escritórios de representação em importantes centros internacionais: EUA (Houston), França (Paris) e Reino Unido (Londres).

Subscreva a newsletter e receba os principais destaques sobre Direito e Advocacia.