No âmbito da SPS LAW&ART, a SPS Advogados apoia a artista plástica portuguesa Natália Gromicho, na exposição “Do Ocidente para o Oriente – Sol Nascente”, que estará patente na Casa das Artes, no Porto, de 28 de Abril a 12 de Junho.

Esta exposição é resultado de 4 anos de trabalho da artista, inspirado na sua viagem à India, Timor Leste, China e Singapura. A mesma já foi realizada em Macau e em Lisboa, e foi igualmente apoiada pela SPS.

Natália Gromicho é, neste momento, umas das Artistas portuguesas mais reconhecidas internacionalmente e constam do seu acervo diversas obras de Arte relacionadas com o Direito, nomeadamente com os Direitos Humanos, tais como “A Justiça Cega”; “Humanidade”, “Interrogatório”; “Liberdade” e “O Dia do Julgamento”.

A SPS LAW&ART é um projeto criado “com o objetivo de promover apoio a Artistas cujos trabalhos de alguma forma se relacionem com a prática jurídica”, explica a sociedade em comunicado.

“A SPS tem interesse, e gosto, em unir o Direito à Arte, pois é uma temática que é sensível aos advogados em geral e é uma forma de, também, apoiar artistas nacionais ou internacionais, encontrando um Link transversal em duas áreas aparentemente tão distantes. Fomentar uma aproximação de mundos distintos, desde que respeitando sempre as regras intrínsecas à pratica da nossa atividade, é para a SPS um investimento social que abraçamos”, referiu Manuel Gibert Prates, sócio da SPS.

“Temos a preocupação de podermos apoiar alguns artistas cujas obras se relacionem, de alguma forma, com o Direito, respeitando sempre e acima de tudo os deveres da nossa profissão. O Direito, mais precisamente a advocacia, não está fechada sobre si mesma e os advogados em geral são muito sensíveis à arte. Se conseguirmos fazer um link entre dois mundos aparentemente distintos, porque não sermos socialmente responsáveis?”, frisou, por sua vez, Filipa Ruano Pinto, sócia da SPS.

Subscreva a newsletter e receba os principais destaques sobre Direito e Advocacia.