PLMJ lidera ranking do TTR nas áreas de M&A e Private Equity

O Transactional Track Record (TTR) divulgou os seus rankings relativos ao trimestre de 2018: a PLMJ é líder nacional na assessoria jurídica a operações de M&A e no ranking de Private Equity, não apenas em volume e valor das transações assessoradas, como também no número de advogados especialistas ativos nestas áreas.

A PLMJ lidera a tabela dos valores de operações de M&A com cerca de 10.5 mil milhões de euros num total de 14 transações, seguida da Morais Leitão, Galvão Teles, Soares da Silva & Associados (MLGTS) com cerca de 9,9 mil milhões de euros (e com 14 transações no total também). A Serra Lopes, Cortes Martins & Associados ocupa o terceiro lugar da tabela com 9,1 mil milhões de euros e a Linklaters a quarta posição com o mesmo valor, mas com menor número de operações.

No que toca ao número transações em M&A, o top 3 da tabela nacional é composto pela PLMJ (14 transações), a MLGTS (14 transações) e a Cuatrecasas Portugal (8 transações).

Na área de Private Equity, o topo da tabela respeitante aos valores é também ocupado pela PLMJ com 1,254 mil milhões de euros, seguida da VdA com 495 milhões de euros e da MLGTS com 456,81 milhões de euros. Já no número das transações, embora a tabela seja igualmente liderada pela PLMJ com 7 transações, o segundo e terceiro lugar são ocupados pela MLGTS (seis transações) e a SRS (três transações).

Por sua vez, na área de mercado de capitais a única sociedade destacada foi a Uría Menéndez – Proença de Carvalho com uma transação, mas sem informação de valores.

Em comunicado, a PLMJ sublinha que Tomás Pessanha, sócio de Corporate M&A, liderou a assessoria à KKR e Goldman Sachs Private Capital Investments numa das maiores injeções de capital (309 milhões de euros) na OutSytems, naquele que foi considerado o Deal of the Quarter pelo TTR. A equipa envolvida nesta operação foi composta por Manuel Liberal Jerónimo (associado coordenador de M&A/Private Equity) e Ana Nunes Teixeira (associada). Foi ainda prestado apoio adicional por Marco Ramalheiro (associado coordenador, Direito do Trabalho), Nuno Luís Sapateiro (associado coordenador, Seguros) e Catarina Videira Louro (associada, TMT).

Para além da operação do trimestre, a PLMJ assessorou mais duas das cinco Top Deals of the Quarter, com a assessoria à Capital Research and Management Company na operação da OPA por parte da China Three Gorges à EDP (em que a equipa envolvida foi composta por Gonçalo dos Reis Martins e Pedro Caetano Nunes, sócios de PLMJ Financeiro e Contencioso respetivamente) e com a assessoria à joint venture entre a Morgan Stanley Infrastructure Partners e a Horizon Equity Partners, a qual venceu e assinou o contrato de compra e venda com a Altice relativo às torres de telecomunicações da MEO, numa operação coordenada por Diogo Perestrelo, Sócio de PLMJ Corporate M&A, que integrou ainda mais 5 sócios e 10 advogados de várias áreas do escritório.

Também na lista de Dealmakers, a PLMJ “lidera em número de advogados no ranking, com metade do total de representantes no ranking por valor transacionado – os sócios André Figueiredo, Diogo Perestrelo, Gonçalo dos Reis Martins, Sofia Gomes da Costa, Tiago Mendonça de Castro, Pedro Caetano Nunes e Miguel C. Reis na estratégia fiscal, e ainda Sara Estima Martins, em questões de concorrência. Já no que diz respeito ao número de transações, PLMJ conta com quatro advogados no top ten (Tomás Pessanha, André Figueiredo e Diogo Perestrelo na área transicional e no planeamento fiscal das transações Miguel C. Reis)”, remata o comunicado.

Consulte abaixo a lista completa dos “legal advisors” por áreas e dos “dealmakers” do primeiro semestre de 2018 em Portugal pela TTR:

Mergers and Acquisitions (M&A)

Por valor total de transações:
  1. PLMJ com 10.566,38 M€ e 14 transações;
  2. MLGTS com 9.921,19 M€ e 14 transações;
  3. Serra Lopes, Cortes Martins Advogados com 9.145,38 M€ e 3 transações;
  4. Linklaters com 9.145,38 M€ e uma transação;
  5. VdA com 495 milhões e 3 transações;
  6. Abreu Advogados com 450 M€ e duas transações;
  7. Uría Menéndez – Proença de Carvalho com 381 M€ e 5 transações;
  8. Ferreira Pinto & Associados com 75 M€ e uma transação;
  9. GA_P com 63,45 M€ e 6 transações;
  10. RRP Advogados com 63,45 M€ e 3 transações.
Por número de transações:
  1. PLMJ com 14 transações e 10.566,38 M€;
  2. MLGTS 14 transações e 9.921,19 M€;
  3. Cuatrecasas Portugal com 8 transações e 62 M€ ;
  4. SRS Advogados com 7 transações e 31,24 M€;
  5. GA_P com 6 transações e 63,45 milhões;
  6. Uría Menéndez – Proença de Carvalho com 5 transações e 381 M€ ;
  7. Serra Lopes, Cortes Martins Advogados com 3 transações e 9.145,38 M€;
  8. VdA com 3 transações e 495 M€;
  9. RRP Advogados com 3 transações e 63,45 M€;
  10. Garrigues com 3 transações e 33,30 M€.

Private Equity &Venture Capital 

Por valor total de transações:
  1. PLMJ com 1.254,50 M€ e 7 transações;
  2. VdA com 495 M€ e uma transação;
  3. MLGTS com 456,81 M€ e 6 transações;
  4. Abreu Advogados com 450 M€e uma transação;
  5. Uría Menéndez – Proença de Carvalho com 375 M€ e duas transações;
  6. Cuatrecasas com 62 M€ e duas transações;
  7. SRS Advogados com 25,21 M€ e 3 transações.
Por número de transações:
  1. PLMJ com 7 transações e 1.254,50 M€;
  2. MLGTS com 6 transações e 456,81 M€;
  3. SRS Advogados 3 transações e 25,21 M€;
  4. Uría Menéndez – Proença de Carvalho com duas transações e 375 M€;
  5. Cuatrecasas com duas transações e 62 M€;
  6. VdA com uma transação e 495 M€;
  7. Abreu Advogados com uma transação e 450 milhões;
  8. GA_P, Luiz Gomes & Associados, CCA Ontier, Sérvulo e Telles com uma transação e sem informação de valores.

Capital Markets

Por número de transações:
  1. Uría Menéndez – Proença de Carvalho com uma transação e sem informação de valores.

Dealmakers- Legal Advisors

Por valor total de transações:
  1. António Soares (Linklaters), Gonçalo dos Reis Martins e Pedro Caetanto Nunes (PLMJ) e Luís Miguel Cortes Martins (Serra Lopes, Cortes Martins & Associados) — todos com 9.145,38 M€ e uma transação;
  2.  Miguel C. Reis, André Figueiredo e Diogo Perestrelo (PLMJ) com 495 M€ e duas transações;
  3. Tiago Mendonça de Castro e Sara Estima Martins (PLMJ) com 495 M€ e uma transação;
  4. António Pina (Abreu)  com 450 M€ e duas transações;
  5. Patrícia Viana (Abreu) e Sofia Gomes da Costa  (PLMJ) com 450 M€ e uma transação;
  6. Tomás Pessanha (PLMJ) com 390 M€ e 4 transações;
  7. Filipa Arantes Pedroso (MLGTS) com 375 M€ e uma transação;
  8. Eduardo Verde Pinho (MLGTS) com 233 M€ e uma transação;
  9. Luís Gagliardini Graça (MLGTS) com 86 M€ e duas transações;
  10. Bernardo Maria Lobo Xavier e Gonçalo Fleming (MLGTS) com 86 M€ e uma transação.
Por número de transações:
    1. Mafalda Barreto da (G_AP) com 6 transações e 63,45 M€;
    2. Tomás Pessanha (PLMJ) com 4 transações e 390 M€;
    3. Francisco Santos Costa (Cuatrecasas) com 3 transações e sem informação de valor;
    4. Miguel C. Reis, André Figueiredo e Diogo Perestrelo (PLMJ) com duas transações e 495 M€;
    5. António Pina da (Abreu) com duas transações e 450 M€;
    6. Luís Gagliardini Graça da (MLGTS) com duas transações e 86 M€;
    7. Filipe Avides Moreira (Cuatrecasas) com duas transações e 62 M€;
    8. Eduardo Paulino (MLGTS) com duas transações e 55 M€;
    9. Jorge Salvador Gonçalves (Garrigues) com duas transações e 33,30 M€.

Subscreva a newsletter e receba os principais destaques sobre Direito e Advocacia.