Macedo Vitorino assessora o Hub Criativo do Beato

A Macedo Vitorino & Associados é a sociedade de advogados escolhida para ser legal partner em exclusivo de um dos maiores hubs de inovação e de tecnologia da Europa – o Hub Criativo do Beato (HCB).

Esta parceria vem reforçar a relação já existente entre a sociedade de advogados e a Startup Lisboa, entidade responsável pela dinamização, programação e gestão do HCB, assim como da sua ligação à AIEL (Associação para a Inovação e Empreendedorismo de Lisboa), com quem também colabora e presta serviços jurídicos, segundo o comunicado enviado às redações.

Responsável por assessorar o seu desenvolvimento e a sua implementação, para a Macedo Vitorino poder trabalhar com o hub, em parceria com a Startup Lisboa, “é uma forma de aplicar o seu know how e expertise, neste caso a advocacia de investimento, à realidade do empreendedorismo e das startups que tão bem conhece”.

João de Macedo Vitorino, sócio da sociedade, acrescenta ainda que “a inovação e o empreendedorismo são características que já fazem parte do ADN da Macedo Vitorino, e ser legal partner de um projeto desta dimensão e tão inovador é um desafio, e também uma forma de dar continuidade ao trabalho de assessoria que já prestamos a startups e empreendedores através do programa «MVStart».

Por sua vez, Miguel Fontes, diretor executivo do HCB/Startup Lisboa, refere que “a sua reconhecida competência e qualidade jurídicas, associadas à sua forte motivação em se constituírem num parceiro de referência da Startup Lisboa, fizeram da Macedo Vitorino & Associados a escolha certa para nos assessorar juridicamente no desenvolvimento e na implementação do Hub Criativo do Beato, projeto de uma enorme ambição, complexidade e exigência.”  

Posicionar e dinamizar Lisboa como uma cidade aberta, empreendedora, inovadora e criativa são alguns dos objetivos do hub, e a ideia é que “o espaço seja uma âncora no desenvolvimento urbano da cidade, o que passará, também pela abertura das instalações à população, de modo a consolidar e reabilitar a zona”, remata o comunicado.

Subscreva a newsletter e receba os principais destaques sobre Direito e Advocacia.