ANJAP analisa as exigências da advocacia no séc. XXI

Sou Advogado e agora? As exigências da Advocacia no Séc. XXI” é o mote do debate que a Direcção Regional de Coimbra da Associação Nacional de Jovens Advogados Portugueses (ANJAP) promove esta quinta-feira, dia 11, em Coimbra.

A sessão de abertura estará a cargo de Nuno Ricardo Martins, Presidente da Direção Regional de Coimbra da ANJAP, seguindo-se a intervenção de Rita Branco, Vogal do Conselho Geral da Ordem dos Advogados – pelouro da Jovem Advocacia.

Irão também participar no debate a advogada associada da Uria Menéndez – Proença de Carvalho, Eduarda Proença de Carvalho, que abordará o tema do exercício da profissão em contexto societário; a jovem advogada Dinora Dias, que irá falar sobre o início do exercício da profissão em contexto de prática individual; o advogado Pereira de Carvalho, que centrará a sua intervenção no tema do exercício da profissão em contexto de prática individual; e o sócio da VMM & Associados, Vítor Marques Moreira, que por sua vez, irá analisar o exercício da profissão em contexto de empresa. A moderação será assegurada pela Vice-Presidente da Direção Regional de Coimbra da ANJAP, Sandra Fernandes.

O encerramento da conferência contará com a intervenção de José Costa Pinto, Presidente da Direção Nacional da ANJAP, e de Jacob Simões, Presidente do Conselho Regional de Coimbra da Ordem dos Advogados.

Subscreva a newsletter e receba os principais destaques sobre Direito e Advocacia.